sexta-feira, 23 de setembro de 2016

OUTRO ÓLEO ESSENCIAL PARA SE CONHECER : TEA TREE


Outros nomes: Árvore Chá, Árvore do chá, Melaleuca, Mirto de mel
...
Nome Botânico: Melaleuca Alternifolia

Tipo de planta: pequena árvore, tipo arbusto, com folhas em agulha e flores brancas.

Óleo extraído de: folhas e rebentos

Aroma: intenso, herbal, fresco e medicinal
Cheiro de madeira úmida, de terra molhada

Origem: Australia

Propriedades: Antibiótico, Antiséptico, Antiviral, Bactericida, Cicatrizante, Fungicida, Imunoestimulante, Inseticida, Balsâmico, Revigorante, Expectorante, Estimulante, Antipruriginoso,
Antimicrobiano e Sudorífero.


UTILIZAÇÕES:
TRATAMENTOS CUTÂNENOS : pé de atleta, micose, acne, verruga, impigem, herpes, freira, micose de unha, furúnculo, psoríase, ulceração, queimaduras, corte, ferimentos, eczema, infecção, caspa, seborreia, pele oleosa e piolho.


SISTEMA REPRODUTOR E GENITURINÁRIO: Candidíase, tricomoniase vaginal, leucorréia, líquen, infecções, inflamações, pruridos, coceira vaginal, cistite, enterite.

SISTEMA RESPIRATÓRIO: resfriado, gripe, tosse, bronquite, sinusite, garganta inflamada, catarro.

SISTEMA IMUNOLÓGICO: Ótimo para combater doenças infeccionas. Ativa os leucócitos para formar juma defesa contra organismos invasores e ajuda a reduzir a duração das doenças.
Promove a ativação dos glóbulos brancos no processo de defesa do corpo. Sendo assim torna uma alternativa formidável para pacientes com baixa resistência e/ou doenças que fragilizam sua imunologia e permitem o aparecimento de doenças importunas, inclusive com pacientes com AIDS.


DOENÇAS BUCAIS: cáries, estomatites, aftas, sapinhos, ferimentos.

DESINFETANTE DE AMBEITE: Eficaz na limpeza e purificação de ambientes e locais com pessoas enfermas e debilitadas, através da evaporação do óleo ou uso tópico.

PSICOLOGICAMENTE: Refrescante e Revitalizante, dissolve a apatia, desânimo , eficaz contra a depressão, devolve o pensamento positivo.

CUIDADOS: Pode ser usado puro na pele em casos necessários.
Evitar em peles sensíveis ou em gravidez.


COMBINAÇÕES: Lavanda, Gerânio, Cedro, Bergamota, Eucalipto, Sândalo, Pinho, Palmarosa, Limão , Laranja, Patchouli, Hortelã, Sálvia, Manjerona, Gengibre, Cipreste.
No nordeste é o segundo óleo mais conhecido(perdendo somente para a lavanda).
Suas propriedades são diversas como foi citado acima, sendo um poderoso antisséptico e balsamo da pele.
É um bom óleo para as vias respiratórias.
Recomendado para uso em clinicas e hospitais.

É um excelente aliado para reflexologia e tratamentos dos pés.

segunda-feira, 19 de setembro de 2016

Benefícios da Massagem Terapêutica


A Massagem Terapêutica é sem dúvida uma forma de alcançar uma grande gama de benefícios para o nosso corpo.
Não há dúvida de que a maioria das pessoas gostariam de receber uma massagem.
...
O que as pessoas não percebem sobre a massagem é que ela não só se sente bem e relaxa o corpo, mente e espírito, mas na verdade é a cura para o corpo, músculos e tecidos moles.
Desfrute de uma Massagem Terapêutica e veja o quanto ela contribui para o seu Bem Estar.

Informações e Agendamento : 11-991442153 ou 11-994830196


OE DE SÂNDALO


    Nome botânico : Santalum Album
    Tipo de planta ; Arvore de médio porte com madeira aromática
    ...
    Óleo extraído de : Madeira
    Fragrância : Média, amadeirada e levemente adocicada.
    Origem : Índia, onde é utilizado na medicina Ayurveda há milhares de anos, considerado um tônico medicinal e sagrado. Um dos óleos mais utilizados em massage indianas e yoga. Muito usado também na China.
    Propriedades : Expectorantes, Anti-Sépticos, Anti-Depressivos, diurético, tônico, emoliente, calmante, antiinfeccioso, descongestionante, fungicida, adstringente, carminativo, emoliente, fixativo, imuno estimulante, anti-inflamatório.
    Principal Utilização : via respiratória ( tosse, bronquite , asma, sinusite, resfriado, congestão peitoral e nasal, garganta inflamada, infecções pulmonares).
    Outras utilizações : Tratamento de pele (hidratação, fissuras, escaras, eczemas, ressecamento, tonicidade, furúnculos, infecções, coceiras)
    Geniturinário (cistite, candidíase, infecção urinária, problema de próstata e órgãos sexuais)

    Psicologicamente: relaxante, calmante, Anti depressivo, afrodisíaco (trata a frigidez e a impotência diminuindo a ansiedade), proporciona bem estar e induz ao sono tranquilo . Alivia as tensões e o stress. Um óleo com aroma muito suave e altamente benéfico para o sistema nervoso.
    Combinações : cedro, limão, patchouli, rosa, laranja, Petigrain, Eucalipto, Tea Tree, Ylang Ylang, Pinho, Manjerona, Lemongrass, Lavanda, Jasmim, Salvia, Gerânio, Palmarosa, Erva doce, Benjoin,
    Cuidados : Usar diluído e evitar o uso em gravidez.
O gengibre é uma planta que foi originalmente encontrada na China. Mas agora se espalhou pelo mundo. Sua raiz é comumente utilizado como um tempero.
Em muitos países, é igualmente utilizado para fins medicinais. As pessoas têm desfrutado de benefícios para a saúde, por um longo tempo. Aqui estão alguns dos efeitos que tem sobre o corpo humano:
– Luta contra as células cancerosas
De acordo com os médicos do UMCCC (Universidade de Michigan Comprehensive Cancer Center) o gengibre é capaz de acabar com as células de câncer de ovário.
A sua velocidade na destruição de células do câncer é mais elevada e mais seguro em contraste com a quimioterapia indicada a pacientes com câncer do ovário.
Relatórios também sugerem que as pessoas que ingerem  gengibre têm níveis mais baixos de inflamação do intestino, reduzindo assim o risco de contrair câncer de cólon.
– Reduz a inflamação
O gengibre consiste em gingerols um composto benéfico na luta contra problemas de saúde relacionados a inflamação celular.
Uma pesquisa realizada em pacientes que sofrem de artrite e dores musculares demonstraram resultados significativos no alívio da dor e inchaço muscular.
O gengibre pode ser igualmente benéfico para os pacientes com doenças causadas por inflamação de células, por exemplo, obesidade, diabetes e Alzheimer.
– Pára o refluxo ácido
A revista, Molecular Research and Food Nutrition, apresentou  um estudo de caso. O estudo demonstrou, que pesquisadores contrastaram certos compostos de gengibre aos dos medicamentos bloqueadores de ácido e chegaram a um fim que os compostos de gengibre trabalharam seis vezes melhor do que a droga.
A droga bloqueadora do ácido iria destruir a barreira de ácido do estômago, aumentando o perigo de contrair úlceras ou até mesmo câncer de estômago.
– Impede náuseas e vômitos
Recomenda-se que as mulheres grávidas n]ao utilizem qualquer erva ou medicação. Algumas mulheres relataram que o gengibre ajudou a reduzir as náuseas e vômitos. A sua dose é normalmente prescrita na forma de comprimidos de 200 mg cada quatro horas.
– Alivia a tosse ou dor de garganta
Durante muito tempo, esta tem sido a cura caseira mais popular para a tosse e dores de garganta. Ferver a água com fatias de gengibre e adicione limão e mel tem sido utilizado para acalmar dores de garganta e também limpar a congestão nasal.
ginger-body-FI-759x420
– Melhora a digestão e também pára flatulência
Uma das ervas que são utilizadas para acalmar o estômago roncando é gengibre. Se você quer lidar com uma dor de estômago, você deve ferver fatias de gengibre por alguns minutos e adoça-lo apenas com mel cru. Para flatulência, os médicos geralmente prescrevem doses de 250 a 500 mg até três vezes por dia.
– Alivia a dor de cabeça
Combinando gengibre com pimenta caiena e hortelã-pimenta dá-lhe a bebida perfeita para aliviar uma enxaqueca.
Coloque a água para ferver, e adicione uma pitada de pimenta caiena e uma colher de chá cheia de hortelã-pimenta seca, em seguida, adicione as fatias de gengibre e deixe ferver para fazer a bebida mais potente.
– Alivia uma dor de dente
Devido às suas propriedades para aliviar a dor, o gengibre tem sido utilizado para dor de dente. Esfregando gengibre cru sobre as gengivas muitos pacientes sentem alívio imediato da dor. Além disso, você pode ferver a água, deixar esfriar e usá-lo como um anti-séptico bucal.
Outros benefícios associados com gengibre são:
– Depois de uma operação, os médicos aconselham os pacientes a mastigar um pedaço de gengibre, a fim de ajudar a prevenir náuseas e vômitos.
– Mastigando um pedaço de gengibre antes de uma refeição normalmente inspira o apetite e ativa os sucos digestivos.
– Os doentes que apresentem tensões musculares, especialmente os atletas são aconselhados a combinar a pasta de gengibre com açafrão e esfregar sobre a área afetada pelo menos duas vezes por dia.
– A maioria dos médicos aconselham seus pacientes diabéticos a beber um copo de água de gengibre na parte da manhã antes de qualquer refeição, pois ajuda na estabilização dos níveis de glicose no sangue.


O Natureba é um espaço informativo, de divulgação e educação com temas relacionados a saúde, nutrição e bem-estar, não devendo ser utilizado como substituto ao diagnóstico médico ou tratamento sem antes consultar um profissional de saúde.

terça-feira, 30 de agosto de 2016

MASSAGEM PARA EXECUTIVOS

Conheça o mais novo conceito de bem estar, saúde e qualidade de vida.
A massagem proporciona um bem estar, alivia dores musculares, combate ao stress do dia a dia, também trata e previne dores musculares, lesões da atividade física, através de movimentos e alongamentos.

 Informações e Agendamento:
11-991442153 ou 11-36722498
Atendimento de Segunda a Domingo
a partir das 9 h da manhã até as 20 h

domingo, 28 de agosto de 2016

DRENAGEM LINFÁTICA - MITOS E VERDADES

Texto: Cristiane Rocha.
O sistema linfático é formado por uma extensa rede de capilares e vasos e está em constante comunicação com o sistema sanguíneo, apresentando funções importantes como a recondução do líquido intersticial aos vasos sanguíneos, eliminação de toxinas, recuperação de proteínas do interstício e produção de anticorpos. É composto por uma complexa rede vascular incluindo capilares linfáticos, vasos pré coletores, coletores , troncos e ductos linfáticos.
 Além deste sistema vascular, alguns órgãos e estruturas importantes compõem o sistema linfático, dentre eles pode-se citar os linfonodos, responsáveis pela produção de células de defesa e filtração da linfa, detendo e fagocitando partículas estranhas. Diante da relevância deste sistema tão complexo, é importante frisar que a drenagem linfática é uma técnica muito séria e deve ser realizada por um profissional com profundo conhecimento e embasamento teórico e prático. Infelizmente é muito comum encontrar pseudos profissionais realizando a técnica de forma errônea,onde os clientes relatam que foi utilizada intensa pressão durante as manobras, resultando muitas vezes em dores e hematomas pelo corpo.
A drenagem é realizada com movimentos lentos, rítmicos e suaves. Se aplicada de forma incorreta, pode além de não surtir o efeito esperado, acarretar em danos à saúde.
É notório que a drenagem linfática é uma das técnicas manuais mais procuradas em centros e clínicas de estética. Entretanto há algumas inverdades disseminadas sobre a técnica,e vale aqui desmistificar algumas delas. Inúmeras pessoas procuram a drenagem linfática manual(DLM)  com o objetivo de emagrecer ou amenizar  a gordura localizada. Apesar dos seus diversos benefícios, a diminuição  da adiposidade não está entre eles.
O que ocorre, na realidade, é uma possível redução  da perimetria corporal em algumas regiões.Principalmente se esta região estiver demasiadamente edemaciada. Isto pode levar a   uma associação errônea por parte do cliente, onde correlaciona a redução da circunferência  local a uma perda de medida inerente à lipólise. Na DLM  ocorre uma mobilização do líquido intersticial, possibilitando um escoamento do excesso deste fluido(linfa) que ao percorrer todo sistema de capilares e vasos linfáticos desembocam no sistema venoso. Logo, não há alguma relação com o tecido adiposo. Impossível a drenagem promover a lipólise uma vez que estamos estimulando o sistema linfático e não a tela subcutânea.A DLM é principalmente efetiva em quadros de retenção hídrica e jamais em quadros de adiposidade localizada. Ela pode ser utilizada como coadjuvante em protocolos corporais de gordura localizada, mas deixando bem claro, que não é a drenagem que vai promover a lipólise, e sim o tratamento escolhido para este fim.
Outra questão que eu gostaria muito de salientar é sobre dois dos componentes básicos da drenagem linfática:pressão e ritmo. Ouço comentários nada alentadores, de pessoas  que se submeteram  a sessões de “drenagem linfática” com pseudo profissionais e relatam que saíram de lá “toda roxa” ou com dores locais. Eu,Cristiane Rocha,alerto mesmo e digo para FUGIREM o mais rápido possível destes locais. Drenagem linfática manual é realizada com movimento rítmico, constante, lento e sem exercer muita pressão,que deve ser leve a moderada. Logo, se estamos falando de vasos linfáticos superficiais, não há porque o cliente sentir dor por movimentos bruscos e muito menos ocorrer hematomas ou equimoses. Sei que assim como eu, muitas colegas esteticistas ao ouvirem isto, sentem um misto de consternação e perplexidade.
Quero assim, alertar aos clientes que apenas certificado de curso livre não habilita ninguém a realizar drenagem linfática. As técnicas e tecnólogas em Estética,além da prática, tem todo um embasamento teórico e científico ,pois estudaram anatomia e fisiologia do sistema linfático,sendo assim  profissionais competentes para tal prática. Em suma, A DLM realizada de  maneira correta, é uma técnica benéfica, eficaz e que produz resultados satisfatórios.